Início - Buscas recentes - Apoio para pastores - Assuntos diversos - Batalha Espiritual - Blog do Pastor - Estudos bíblicos - Teorias de Conspiração
Este site tem MAIS DE 3000 ESTUDOS - Faça sua busca: .

Cenas de um banquete


Objetivo do estudo: Entender os verdadeiros valores no relacionamento com Cristo.

Introdução: Os homens dão grande valor às etiquetas, aparências e nível financeiro. Muitos desejam fazer com isso elemento de aceitação, de aquisição dos favores divinos. Desejam comprar a atenção do Senhor. É erro tentar obter a comunhão desse modo. O arrependimento, a humildade e o amor sincero é que contam a favor dos servos de Deus.

Texto do estudo: Lucas 7.36-50

1 - JESUS NA CASA DO FARISEU - v.36
a - É uma grande honra receber Jesus no lar.
b - Não está explícita a intenção do fariseu.
c - Certamente o banquete era pomposo.
d - Jesus aceitava convites sem discriminar o anfitrião.

2 - A MULHER PECADORA ADORANDO A JESUS - vs. 37-38
e - Teve a informação de que Jesus estava ali.
f - Trouxe um bem valioso para homenagear a Cristo.
g - Prestou um culto informal de uma genuína adoradora.
h - Quebrou os protocolos rígidos da época.

3 - O FARISEU INCOMODADO, INCONFORMADO - v.39
i - O fariseu julgou que se Jesus realmente fosse um profeta, saberia que a mulher era uma pecadora.
j - Possivelmente, queria que Jesus expulsasse aquela mulher do ambiente.
k - Há um indicativo de ciúme no sentimento do fariseu.
l- Um fato é inegável: se ele não fez os procedimentos de praxe, ela fez.

4 - A PERGUNTA DE JESUS AO FARISEU - vs. 41-42
m - Jesus conhecia os pensamentos do fariseu.
n - Ele sabia que a mulher era pecadora.
o - Jesus amava a ambos de maneira igual, ele viera para salvar a todos.
p - A pergunta de Jesus foi sobre dois devedores de valores diferenciados que foram perdoados.
q) - O fariseu respondeu corretamente que o mais perdoado amaria mais o perdoador.

5 - JESUS APONTA PARA A MULHER E LHE CONFERE RECONHECIMENTO - vs. 44-48
r - Jesus não omitiu que ela era uma pecadora, mas lhe deu méritos de adoradora.
s - Jesus aceitou as manifestações dela.
t - Jesus frisou que ela tinha um grande amor por Deus.
u - Jesus deu a entender que o perdão dado a ela era maior que o perdão dado ao fariseu.

6 - OS CONVIVAS PERPLEXOS, E A MULHER SALVA - vs. 49-50
v - Jesus, como filho de Deus, perdoou os pecados da mulher publicamente.
w - Ela recebeu a palavra da salvação: a tua fé te salvou.
x - Ela recebeu a palavra de estímulo e conforto: vai-te em paz.
y - Os comentários sobre quem é este que perdoa pecado ficaram sem resposta.

Conclusão: Evitemos julgar as pessoas pelo que apresentam aparentemente. Não sejamos ávidos por méritos humanos. Sirvamos ao Senhor com coração puro. Declaremos o nosso amor por ele em todo lugar.




O artigo acima é colaboração de: Pr. Odair Alves de Oliveira
Nascido em Uberaba MG, em 17 de novembro de 1952, é casado desde 21 de julho de 1973, com Orilene Felipe Néris Oliveira – Missionária.
Formado em teologia básica no Instituto Bíblico Ebenézer – Rio de Janeiro RJ; e EETAD – Campinas SP. Pastoreou Igrejas em Planaltina DF; Gurupi TO; Sobradinho DF; Gama DF; Philadelphia PA USA.
Escritor – Membro da ANE – Associação Nacional dos Escritores - DF
Site: www.pastorodair.com.br

Realize em sua igreja: