Untitled Document
visitantes online
NOSSO PROPOSITO: FORTALECER IGREJAS E PASTORES ATRAVES DE CONGRESSOS, ESCOLAS, TREINAMENTOS INDIVIDUAIS,
PATERNIDADE ESPIRITUAL, MATERIAL DE APOIO MINISTERIAL
...CONHEÇA-NOS...
- Página inicial
- O que é o Atos Dois?
- Referências
- Nossa agenda
- Galeria de fotos
- Galeria de vídeos
... 2981 ESTUDOS...
- Apoio para pastores
- Estudos bíblicos
- Notícias
- Reflexões
... EM SUA IGREJA ...
- Escola de Autoridade Territorial
- Escola de Cura das Raízes de Orfandade
- Escola Casal Super
- Escola de Libertação Financeira

... SEU MINISTÉRIO PESSOAL ...
- Seja um representante Atos Dois
- Receba Paternidade Espiritual
- Treinamento individual por Skype
- Coach comportamental
- Janeiro em Teresópolis!
...INTERAJA...
- Cadastro de pastores
- Seja um colunista
-
Dê uma nota
-
Deixe um depoimento
- Contribua com esta obra
- Fale conosco

A CHAMADA DE ABRAÃO - O Pacto da Circuncisão
Tipo: Estudos bíblicos / Autor: Maria de Fátima Moreira

 
O Senhor estabeleceu concerto com Abraão, porque viu que Abraão haveria de ordenar a seus filhos e à sua casa para que guardassem o caminho do Senhor, e praticassem o juízo e a justiça (Gn 18.20; Ne 9.7,8).

E foi sob este fundamento que Deus firmou o seu concerto, exigindo de Abraão:

§ que andasse na sua presença e fosse perfeito (Gn 17.1);

§ e que o Deus Todo-Poderoso fosse o seu único Deus, e também da sua semente (Gn 17.1,7,8).

Como recompensa à sua fidelidade, Deus o abençoaria (Gn 12.2,3) e:

§ aumentaria grandemente a sua semente (Gn 17.2);

§ faria deles nações e reis (Gn 17.4-6; 16);

§ lhes daria toda a terra de Canaã em possessão perpétua (Gn 17.8);

§ a sua posteridade herdaria o mundo (Rm 4.13);

§ e eles seriam uma bênção para todas as famílias da terra (Gn 12.3, 26. 4; 28.14).

E selou o seu concerto com o pacto da circuncisão, ordenando a Abraão que ele e todos os varões da sua semente e da sua casa, circuncidariam o prepúcio, como sinal perpétuo do concerto entre eles e Deus (Gn 17.10-14).

A Aliança da Circuncisão, se constituía na Aliança da carne (Gn 17.13).

A circuncisão era o selo da justiça da fé de Abraão (Rm 4.11), e foi transmitida ao seu filho Isaque, aos seus netos, e a toda a descendência da semente do seu neto Jacó, a quem Deus constituiu herdeiros da terra de Canaã (Gn 12.2,3; 26.3,4; 28.13,14);

Portanto, Abraão, Isaque e Jacó receberam as promessas pela fé, pois as mesmas se cumpririam na posteridade.

A CIRCUNCISÃO DO CORAÇÃO


Durante a Dispensação da Graça, tanto judeu quanto gentio, só alcançarão a salvação através de um novo nascimento mediante a fé no Senhor Jesus Cristo (Jo 3.3,16).

Porque Deus justifica pela fé em Jesus Cristo, tanto a circuncisão, quanto a incircuncisão (Rm 3.30).

Ambos (judeus e gentios), na presente Dispensação, são batizados em um só corpo ( 1 Co 12.13), a IGREJA.

A Aliança da Graça, é a Aliança do Espírito (Hb 10.15,16).

Nela Deus não requer o cumprimento da Aliança da carne que foi firmada com Abraão, mediante a circuncisão do prepúcio ((Gn 17.13; 1 Co 7.18).

Porque o concerto foi firmado com Abraão estando ele ainda na incircuncisão, tendo também recebido a promessa mediante a sua fé, de que seria uma bênção, não só para os seus descendentes, mas para todas as famílias da terra (Rm 4.11-16).

(Porque os concertos e as promessas de Deus têm sido dadas, não pelas obras, mas pela sua infinita Graça, mediante a fé - Rm 11.26-32).

Entretanto, Deus exige do crente a circuncisão do coração (Rm 2.28,29).

A circuncisão do prepúcio, circuncidava o órgão responsável pela geração dos filhos de Abraão (filhos segundo a carne)- Fp 3.4,5; (ver Ez 44.7-9);

A circuncisão do coração, circuncida o órgão responsável pela geração dos filhos de Deus (filhos segundo o Espírito) - Dt 30.6-10; Jr 32.38-41; Ez 11.18-21; Ez 36.24-28;

A circuncisão do prepúcio era o selo da justiça da fé (Rm 4.1).

A circuncisão do coração é o selo da regeneração (Tt 3.5,6).

Os herdeiros da bênção terrestre tinham que circuncidar o prepúcio (Gn 17.9-14; Ex 4.24-26; Js 5.2,3; Hb 2.16-18). Os herdeiros da bênção celestial têm que circuncidar o coração (Jr 4.4; Dt 10.16).

A circuncisão do prepúcio era carnal (Cl 2.11,12). A circuncisão do coração é espiritual (Fp 3.3).

Israel era circuncisa na carne e incircuncisa no coração, e por isto não alcançaram a justiça da fé (Lv 26.41,42; Jr 6.10; 9.26).

O gentio era incircunciso na carne e no coração (Jr 9.26; Ez 44.7,9; Cl 2.13), portanto estranho à promessa (Ef 2.11,12).

A Igreja, seja ou não, circuncisa na carne (1 Co 7.18; Gl 5.3-6; Cl 3.11), tem que ser circuncisa no coração porque tornou-se filha de Deus por adoção, e herdeira da vida eterna (Gl 6.15; Rm 2.25-29).

Deus quer que nos cheguemos a Ele, com mudança de coração (1 Sm 10.9), lavando o coração da malícia (Jr 4.14); lançando fora as transgressões (Ez 18.31), afastando as iniqüidades e nos convertendo de todo o coração (Dt 30.10; 1 Rs 8.48; Jó 22.22,23).

Deus quer que o sirvamos com o coração íntegro (Dt 11.13; Js 22.5; 1 Sm 12.24; 1 Cr 28.9); que o busquemos (Dt 4.29; Sl 119.2); que o amemos (Dt 6.5; 30.6); que o louvemos (Sl 9.1); que o invoquemos (Sl 119.145), de todo o coração.

Deus quer que guardemos a Sua Palavra em nosso coração, para cumpri-la (Dt 6.6; Sl 119.34);

Deus quer que lhe rendamos Graça com integridade de coração (Sl 111.1; 119.7); que confiemos Nele de coração, sem nada temer (Sl 112.7,8);

Deus quer que nos cheguemos a Ele, com o coração humilhado (Lv 26.41), e que sigamos o exemplo de Jesus, que é manso e humilde de coração (Mt 11.29; Hb 12.2).

Porque Deus não olha para o exterior, mas para o coração do homem (1 Sm 16.7). É do coração que procedem as saídas da vida (Pv 4.23).

A Bíblia diz que Deus sonda e esquadrinha o coração e a mente (os pensamentos) - Sl 7.9; 26.2.

Deus pesa e prova o coração e os rins (Pv 24.12; Sl 7.9; 26.2; 1 Cr 29.17). Não no sentido físico, mas no emocional. Rins e coração são os órgãos vitais do corpo humano, e a soma dos desníveis emocionais, alteram os seus funcionamentos e conduzem à morte.

Quando a Bíblia emprega qualquer dessas expressões, está falando do homem interior, da alma, dos afetos, dos pensamentos, dos sentimentos, dos desejos, das emoções, que são os responsáveis pelas decisões e atitudes do homem para consigo mesmo e para com o seu próximo, e que os levam a cometer justiça ou injustiça, que é pecado. (Compare nas versões ARA e ARC, os seguintes versículos: Jó 15.35; Jr 15.1; 17.10; 20.12; 31.20).

O Senhor Deus tudo vê, tudo sabe (Sl 33.13,14; 139.1-17).

Quem tem o coração circuncidado, anda pelos caminhos da Justiça, e põe em prática a recomendação da Bíblia:

1 Pe 5.6 - "Humilhai-vos pois debaixo da potente mão de Deus, para que a seu tempo vos exalte;"

.7 - "Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós."

Jesus disse que a boca fala do que está cheio o coração (Mt 12.34; 15.18,19; Lc 6.45), e que toda a palavra ociosa que os homens disserem hão de dar conta no dia do juízo (Mt 12.36).

 

Escrito por: Maria de Fátima Moreira (Maiores informações no final da página)
 
Expresse sua opinião sobre o texto acima:
Lembre-se que os artigos deste site não expressam diretamente a opinião do Apóstolo Ricardo Ribeiro, uma vez que temos um grande número de colunistas que, apesar de renomados escritores, representam diversas posições teológicas. No entanto, temos um cuidado especial para que neste site não seja defendida nenhuma heresia, por isso seu contato nos ajuda a manter a integridade de nossos estudos e o cuidado na escolha dos colunistas.
 
Nome: Email: Assunto:
Escreva aqui a mensagem para nossa Administração, sobre o texto que você acabou de ler:
Outros artigos desta coluna:
A aventura de Felipe
Duas Classes De Crente
Congregação dos ímpios.
Quem está no governo? Saul ou Davi?
Características De Um Líder
Resistindo as Tempestades da Vida.
Os três aspectos dos dons da igreja
O Evangelho Que Ninguém Prega
O que você tem feito com o templo de Deus?
 

O artigo acima é colaboração de " Maria de Fátima Moreira "
Membro da Igreja Evangélica Assembléia de Deus de João Pessoa. Colabora como Preletora e Escritora do site da Assembléia de Deus
de Natal - Congregação da Candelária.

 
Destaques

:: VOCÊ PODE MAIS ::
Novo livro do Pr. Ricardo Ribeiro, com manancial profundo sobre auto-ajuda e superação. Aquisições através do telefone (21) 996245227



:: CAPACITE-SE AINDA MAIS::
O evento acontecerá durante um dia inteiro (8 as 22 hs) em um Hotel na cidade de Teresópolis, Rio de Janeiro. Os participantes (pastores e líderes) aprenderão técnicas de aconselhamento individual e liderança de grupo dentro de uma linguagem contextualizada, levando assim para sua igreja uma liderança de nível avançado. Se você é pastor, sugerimos que se inscreva e envie seus líderes principais. Virão caravas de vários lugares do Brasil. Informe-se clicando aqui
Desenvolvido por CAQ / A2 Webstudio - Acesse: www.atendimentodequalidade.com.br