Mazal Tov – Celebração de aniversário judaica

Você espera o ano todo para ser lembrado naquela data especial; o dia de seu aniversário. Então vê este dia passar e tudo ser normal, igual a todos os dias do ano. Mas não se deprima por isto. Há uma fórmula produtiva, dinâmica e diferente de comemorar o seu aniversário: da maneira judaica!

O dia em que você nasceu pela data judaica é seu dia de sorte máxima e deve ser muito bem empregado. Não estou sugerindo que compre o bilhete da loteria (até pode!) mas sim que nesta oportunidade você deve se dedicar a coisas realmente importantes. Lembre-se: o dia seguinte já não é mais seu aniversário e sua “estrela” já não possui o mesmo brilho de hoje.

Um aniversário é um tempo de celebrar o nascimento em si, a alegria da vida. É também uma ocasião para repensar sua vida: “Qual a disparidade entre aquilo que realizei e o que posso realizar? Estou utilizando adequadamente meu tempo ou estou envolvido em coisas que me distraem da minha missão mais elevada? Como posso fortalecer o vínculo que conecta minha vida exterior e minha vida interior?”

O Talmud nos informa que nesta data nosso mazal (boa sorte) é dominante.
O Talmud nos informa que nesta data nosso mazal (boa sorte) é dominante. Este é um dia perfeito para refletir sobre sua vida, tomar novas e relevantes decisões, realizar boas ações, e aprofundar seu compromisso com a Torá. O aniversário é um tempo para reflexão, quando a pessoa “lembra-se e pensa sobre aqueles aspectos de sua vida que precisam de melhoras e arrependimento” (HaYom Yom, 11 de Nissan). Um aniversário também pode nos ensinar o conceito de renascimento; pensar num novo começo. Não importa como as coisas ocorreram ontem, ou no ano que passou, sempre temos a capacidade de tentar novamente. O aniversário é uma renovação, uma nova chance, não apenas material, mas também espiritual.

O nascimento é uma janela para a chance de uma vida inteira, a chance de cumprir sua missão única. É muito mais que uma ocasião para se receber presentes. Algo especial acontece todos os anos em seu aniversário. A mesma energia que D’us investiu em você por ocasião de seu nascimento está presente outra vez. É nosso dever ser receptivo a esta força. Então aproveite! Convide sua família e amigos e agradeça a D’us por ter nascido e estar “vivo”. Vivo aqui, quero dizer, conectado com a Torá e mitsvot e vivendo a vida com sentido. É bom ser grato por aquilo que você tem na vida, e pelo que conseguiu realizar.

Não há maneira melhor de comemorar um aniversário que fazer um ato de bondade especial. É fácil dizer que você está agradecido; é muito melhor demonstrá-lo fazendo algo de bom, algo que você não fez ontem. Não somente porque alguém o está forçando. Não porque alguém o sugeriu. Mas simplesmente porque sua bondade interior, sua alma, deseja expressar gratidão por ter nascido. Isto inspirará também outros a tomarem boas resoluções.

O Rebe Anterior declarava que no aniversário, a pessoa deveria revisar a história de sua vida e buscar maneiras de aperfeiçoar as áreas que precisam de melhorias, por meio da teshuvá. É importante divulgar todos os bons costumes de aniversário: aumentar tsedacá neste dia, estudar mais Torá e intensificar a cavaná (verdadeira intenção e concentração) na prece – que são os três pilares do mundo.

Comemore e fique feliz! D’us quer quer você viva e comemore este dia levando suas boas decisões para todos os dias do ano.

Costumes e Práticas de Aniversário
1) É costume aos homens a partir de bar-mitsvá ser chamado à Torá no Shabat que precede seu aniversário. Quando o aniversário ocorre num dia em que a Torá é lida, deve também ser chamado à Torá naquele dia.

2) Em seu aniversário, aumente sua contribuição para tsedacá antes do Serviço Matinal e Vespertino. Quando o aniversário cai no Shabat ou yom tov – dê a tsedacá extra antes do Shabat (de preferência – também depois).

3) Coloque mais tempo e esforço em sua prece. Reze com maior concentração, e perceba a grandeza do Criador. Dedique um tempo para recitar Tehilim (Salmos) com mais intensidade (Se possível, leia pelo menos um livro completo).

4) Estude o salmo que corresponde à sua nova idade, e que será recitado por você diariamente por todo o próximo ano. (Ex.: quando a pessoa chega à idade de 20, começa a recitar o salmo 21).
5) Faça contato com outros judeus e incentive-os no estudo e prática da Torá.

6) Reserve uns minutos para rever sua conduta no ano que passou – veja o que precisa de “ajustes” – e tome boas resoluções para os anos futuros.

7) Escolha uma mitsvá que possa começar a cumprir ou aprimorar – tudo dentro do seu alcance.
8) Celebre numa festa animada com sua família e amigos em honra de seu aniversário. Vale salgadinhos, doces e um “Le’chaim” casher. Se possível, diga a bênção de Shehecheyanu sobre uma fruta nova.

9) Nunca mais deixe seu aniversário “passar em branco”. Se você colocar estes ingredientes no seu “bolo”, a luz e cores brilharão neste dia para sempre em sua vida.

Happy (jewish) birthday!

Mazal Tov!